• Sindicalize-se!

  • Site ANDES-SN

  • Assessoria Jurídica

  • Cartão TRI Passagem Escolar

  • Cartilha sobre Assédio Moral

Semana será de mobilização intensa pela Educação e contra a destruição do Brasil

23 de setembro de 2019

Poucos dias após a Greve Mundial do Clima, que uniu multidões no planeta em defesa do meio ambiente e, em Porto Alegre, também repudiou o projeto da Mina Guaíba, a semana começa com mobilização em defesa da educação nos campi da UFRGS. Na segunda-feira (23), panfletagem promovida por docentes no campus Centro divulgou motivos para a rejeição do programa Future-se e convocou a comunidade a se unir à agenda de manifestações programadas para os próximos dias, antecedendo a greve de 48 horas da Educação que ocorre nos dias 2 e 3 de outubro. Veja aqui o panfleto com a agenda de mobilização.

Na terça (24) haverá panfletagem às 12h, em frente ao prédio da Faurgs, no Campus do Vale. A partir das 16h30, estudantes, docentes e servidores técnico-administrativos da Universidade realizam concentração em frente à Faculdade de Educação, para caminhada até ato unificado convocado pelas Centrais Sindicais, agendado para as 18h, na Esquina Democrática, marcando o Dia Estadual de Luta contra a Destruição do Brasil: em defesa da Previdência, da Educação, da Amazônia, por emprego e contra as privatizações.

Já na quarta-feira (25), a data proposta pela Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) será adotada como um dia de mobilização em defesa da Ciência e Tecnologia Públicas. Na UFRGS, a partir das 9h30, acontece o debate “Future-se: o desfinanciamento do ensino superior”, com Nelson Cardoso Amaral, professor da UFG e especialista em financiamento do ensino superior. A atividade, promovida por ANDES/UFRGS, Sindoif e demais entidades, será realizada na sala 605 da Faculdade de Educação (Faced).

Greve Nacional da Educação

70446945_2400529386730847_2444618414774288384_n________!!!!!

Nos dias 02 e 03 de outubro, haverá nova Greve Nacional da Educação. O movimento, definido em reunião do Setor das Federais (Ifes) do ANDES-SN no dia 12 de setembro, tem como base as deliberações das assembleias realizadas nas últimas semanas, e também o calendário de lutas que vem sendo construído em conjunto com as demais entidades da Educação. No final de semana, o movimento ganhou apoio das centrais sindicais.

Os docentes da UFRGS, em assembleia geral ocorrida no dia 10, convocada pelo ANDES/UFRGS, aprovaram a construção da paralisação, que também conta com a adesão dos servidores técnico-administrativos da UFRGS.

Para intensificar a organização da luta, o Setor das Ifes indicou ainda a realização de assembleias comunitárias nas instituições para discutir a situação financeira e a construção de dias de mobilização com atividades de universidades, institutos federais e Cefets em praças e outros locais públicos, para dialogar com a sociedade.

Na UFRGS, a partir de proposta do DCE, a assembleia está sendo convocada para quinta-feira (26), a partir das 18 horas, no pátio da Faculdade de Educação. Antes disso, haverá plenária de mobilização docente, a partir das 16h30, na sala 304 da Faculdade de Educação.

 

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

  • FUTURE-SE EM DEBATE

  • Canal Docente

  • Seção Sindical ANDES/UFRGS no Facebook

  • + notícias

  • Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

%d blogueiros gostam disto: