• Sindicalize-se!

  • Seção Sindical ANDES/UFRGS no Facebook

  • Cartilha sobre Assédio Moral

  • Assessoria Jurídica

  • Site ANDES-SN

  • Eventos por vir

    Nenhum evento

  • fevereiro 2016
    S T Q Q S S D
    « jan   mar »
    1234567
    891011121314
    15161718192021
    22232425262728
    29  
  • É para rir?

  • Categorias

  • + notícias

  • Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

InformANDES na UFRGS, nº 06, 28-29/01/2016.

PAUTA:

1-Três anos sem justiça pela tragédia na Kiss: a justiça condena os pais à espera.

2-Barragem da Samarco registra novo vazamento de resíduos, em Mariana (MG).

3-Escute, pela internet, o programa Voz Docente desta semana, nº 04/2016.

1-Três anos sem justiça pela tragédia na Kiss: a justiça condena os pais à espera

Caso não consiga visualizar a imagem, clique .

/0/”>aqui.

“A sirene rasga a noite e a garganta berra: “Acorda Santa Maria”. Pelo terceiro ano, pais, amigos e sobreviventes reúnem-se em frente à Boate para clamar por justiça e homenagear as 242 vítimas da tragédia de 27 de janeiro de 2013. Não há mais links ao vivo de emissoras de outros países e dos principais jornais do Brasil. A justiça condena os pais à espera. Mas do luto à luta muitos ainda são os que encontram forças e não dão sinais de esmorecer.

Três anos depois, a fumaça ainda sai das portas da Kiss sem nunca sair da memória daqueles que perderam pessoas amadas. Só há um remédio, só uma coisa fará a sirene e a garganta se calarem: a justiça para todos os culpados. Só então, nas madrugadas de 27 de janeiro, em Santa Maria, se fará silêncio”.

Texto, foto e vídeo: Ivan Lautert. Para visualizar o vídeo, clique em Três anos sem justiça pela tragédia na Kiss

Leia mais: Luta e comoção nos três anos da tragédia : Ato público, debate, shows musicais e culto ecumênico marcaram o dia 27 de janeiro

image005 (3)

Fonte: Sedufsm (Seção Sindical na UFSM).

2-Barragem da Samarco registra novo vazamento de resíduos, em Mariana (MG)

A Mineradora Samarco informou, na quarta-feira (27), o registro de novo vazamento na Barragem de Fundão, no Rio Doce, em Mariana (MG). A empresa retirou funcionários do local e afirmou não ter havido necessidade de acionar a sirene instalada para alertar a população.

De acordo com a Samarco, ocorreu “uma movimentação de parte da massa residual”, que teria sido causada pelo grande volume de chuvas que caiu sobre a região nas últimas semanas. A Defesa Civil e a prefeitura de Mariana confirmaram que foram informadas pela Samarco sobre o novo vazamento, mas descartaram risco para a população, apesar de a empresa ter emitido um alerta amarelo.

O promotor Carlos Eduardo Ferreira, responsável pelo Núcleo de Combate a Crimes Ambientais no Ministério Público de Minas Gerais, ordenou a ida de um representante do MP-MG ao local para investigar o novo vazamento.

Histórico (relembrando)

A Barragem de Fundão, localizada em Mariana e de propriedade da Samarco (uma joint venture das mineradoras brasileira Vale e anglo-australiana BHP), se rompeu no dia cinco de novembro. Milhões de metros cúbicos de resíduos de mineração armazenados no local foram liberados, devastando o distrito de Bento Rodrigues e matando 17 pessoas. Duas permanecem desaparecidas. O incidente deixou um rastro de destruição ao longo das margens do Rio Doce e afluentes, causando também o colapso no abastecimento de água em municípios que integram a bacia.

Leia Mais: Barragens de mineradora se rompem e inundam distrito no interior de Minas Gerais 

Leia mais: Novo deslizamento em MG: Caso é mais grave do que admitem, diz procurador

Não foi acidente!

Em dezembro/2015, a central sindical CSP-Conlutas organizou, junto com outras entidades, o Seminário Nacional “NÃO FOI ACIDENTE – Em defesa dos trabalhadores e da população atingida pelo crime ambiental, em Mariana (MG)”. O evento, realizado no Instituto de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Federal de Outro Preto (Ufop), teve como intuito debater e esclarecer o crime socioambiental e trabalhista e garantir visibilidade do caso em nível nacional e internacional.

“O seminário cumpriu o papel de contribuir com a discussão de ações que não permitam que a tragédia provocada pela empresa Samarco, de propriedade da Vale-BHP-Billinton, não caia no esquecimento, e que essas empresas fiquem sem uma punição exemplar. O mesmo deve ocorrer com os governos que foram, e continuam lenientes com esses crimes. Os debates mostraram que, com a tragédia de Mariana, ficaram desnudadas as entranhas da atuação do capital e das relações promíscuas que mantêm com os políticos que essas empresas financiam para garantirem a acumulação de riqueza a qualquer preço”, explicou José Domingues de Godoi Filho, professor da Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT), que esteve em uma das mesas do debate. Saiba mais.

Leia a íntegra da matéria: Barragem da Samarco em Mariana registra novo vazamento de resíduos

Leia Mais: Novo decreto presidencial classifica tragédia ocorrida em Mariana (MG) como desastre natural 

Fonte: Agência Brasil, com edição do ANDES-SN; imagem de Agência Brasil.

3- Escute, pela internet, o programaVoz Docente desta semana, nº 04/2016

No roteiro:

*A Seção Sindical ANDES/UFRGS participou de atividade sobre auditoria da dívida no Fórum Social Temático e entrevistou o coordenador do Núcleo/RS da Auditoria Cidadã da Dívida, engenheiro Rui Muniz.

*A Diretoria da Seção Sindical recebeu o pré-candidato a Reitor da UFRGS, prof. Sergio Kieling Franco.

*O 35º Congresso Nacional do ANDES-SN iniciou com mais de 450 participantes.

*O inverossímil comentarista conde Pié fala sobre o bando de urubus que andam em volta da Petrobras.

 

Voz Docente é semanal, produzido pela Seção ANDES/UFRGS, em parceria com a Seção Sindical da UFPEL e a Regional/RS do ANDES-SN, e radiodifundido às quartas-feiras, às 13h, na Rádio da Universidade, 1080 AM ou on-line:http://www.ufrgs.br/radio/

O programa é também veiculado três vezes por semana em Pelotas: pela Rádio Federal FM 107,9, emissora da UFPel, e pela RádioCom 104.5 FM.

Seção Sindical do ANDES-SN: sindicato de verdade!

– Ensino Público e Gratuito: direito de todos, dever do Estado!

– 10% do PIB para Educação Pública, já!

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: