• Sindicalize-se!

  • Seção Sindical ANDES/UFRGS no Facebook

  • Cartilha sobre Assédio Moral

  • Assessoria Jurídica

  • Site ANDES-SN

  • Eventos por vir

    Nenhum evento

  • agosto 2015
    S T Q Q S S D
    « jul   set »
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930
    31  
  • É para rir?

  • Categorias

  • + notícias

  • Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

InformANDES na UFRGS, nº 71/2015, 31/08/2015.

PAUTA:

1-Manifestações em Brasília, na última quinta e sexta-feira, conquistaram reuniões com o governo.

2-Quinta-f., 27/08: servidores federais fecharam entradas do MPOG; pressionado, governo recebeu manifestantes e marcou uma reunião.

3-Sexta-f., 28/08: manifestação pressionou o MEC, que recebeu docentes e estudantes em greve e marcou reunião com o ANDES-SN.

4-Escute, pela internet, o programa Voz Docente desta semana, nº 34/2015.

1-Manifestações em Brasília, na última quinta e sexta-feira, conquistaram reuniões com o governo

Frutos das manifestações realizadas em Brasília na última quinta-feira (“trancaço” das entradas do MPOG) e na última sexta-feira (manifestação no MEC), foram agendadas as seguintes reuniões:

-segunda-feira, dia 31 de agosto, 10h: reunião das entidades do Fórum dos Servidores Federais com o Ministério do Planejamento (MPOG);

-segunda-feira, 31 de agosto, 14h: reunião setorial (docentes federais) do MPOG e MEC com o ANDES-SN, Sinasefe e Proifes;

-quinta-feira, 3 de setembro, 16h: reunião do ANDES-SN com a Secretaria de Ensino Superior do MEC.

Durante a reunião, o Ministério do Planejamento reafirmou a proposta do governo de reajuste de 21,3%, parcelado em 4 anos, e a revisão dos benefícios, que não atendem a reivindicação de isonomia entre os servidores dos três poderes, como reivindica o Fórum dos SPF.

Também, foi informado que, por conta do atraso do próprio governo em dar retorno aos servidores, o Ministério do Planejamento propus estender o prazo de negociação até 11 de setembro.

Sobre as manifestações, ver os itens 2 e 3, abaixo.

2- Quinta-f., 27/08: servidores federais fecharam entradas do MPOG; pressionado, governo recebeu manifestantes e marcou uma reunião

image004 (3)

O Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fórum dos SPF) realizou uma grande manifestação (“trancaço”) na madrugada e na manhã desta quinta-feira (27/08), trancando todos os acessos do Bloco C do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG).

O Ato contou com a presença de mais de duas mil pessoas e conquistou uma reunião entre o Fórum e o MPOG, que foi realizada no final da manhã.

O prof. Paulo Rizzo, presidente do ANDES-SN, explicou que “a mesa de negociação estava suspensa, mas, com a mobilização e o “trancaço” no MPOG, conseguiu-se reabrir o canal de diálogo e já agendar uma outra reunião”.

Segundo o presidente do ANDES-SN, o Fórum dos SPF se reunirá no domingo (30) para avaliar o retorno das bases e definir a estratégia para a próxima reunião com o governo.

Leia mais e veja as fotos: Servidores fecham entradas do Mpog e conquistam reunião com o governo

3-Sexta-f., 28/08: manifestação pressionou o MEC, que recebeu docentes e estudantes em greve e marcou reunião com o ANDES-SN

image003 (4)

Na sexta-feira, dia 28 de agosto, mais de 500 docentes e estudantes universitários de todo o Brasil realizaram manifestação em frente ao Ministério da Educação (MEC) em Brasília para exigir abertura de negociação efetiva sobre a pauta da categoria e cobrar a reversão dos cortes no orçamento da Educação Federal, que ultrapassam R$ 11 bilhões e aprofundaram a precarização das Instituições Federais de Ensino (IFE).

Uma comissão de docentes e estudantes foi recebida pela secretária em exercício da Secretaria de Educação Superior do MEC (Sesu/MEC), Dulce Tristão, e mais dois representantes da Sesu/MEC.

Dulce Tristão reconheceu a retirada de recursos da Educação e disse que o recente corte de R$ 1 bilhão não irá afetar as universidades, o que foi considerado pelos representantes do ANDES-SN uma conquista da luta que vem sendo travada por docentes, técnicos e estudantes em defesa da Educação Pública.

A representante da Sesu/MEC se comprometeu a enviar ao ANDES-SN a lista detalhada por universidade das 9 mil vagas para docentes que o MEC alega já estarem disponíveis.

Uma reunião entre o ANDES-SN e a Sesu/MEC foi agendada para quinta-feira (03/09), às 16h.

Antes disso, na segunda-feira, 31 de agosto, haverá duas reuniões: às 10h, haverá uma nova reunião entre o MPOG e o Fórum dos Servidores Públicos Federais, para tratar da pauta salarial; e, à tarde, às 14h, uma reunião das entidades representativas dos docentes da rede federal com o MPOG e o MEC. Essas reuniões foram agendadas na última quinta-feira, sendo conquistadas pelo “trancaço” do MPOG.

Leia mais aqui.

4- Escute, pela internet, o programaVoz Docente desta semana, nº 34/2015

No roteiro:

-entrevista com o prof. Paulo Rizzo, presidente do ANDES-SN, sobre a recusa do governo em negociar e sobre os Atos, em Brasília, nos dias 27 e 28/08;

-matéria sobre o Projeto de Lei, em tramitação na Câmara Federal, que restringe a gratuidade nas universidades federais;

-ANDES-UFRGS rejeita a extinção das fundações estaduais proposta pelo governador Ivo Sartori;

-A “Agenda Brasil” proposta pelo senador Renan Calheiros ameaça gratuidade no SUS;

-A Secretaria do Tesouro Nacional eleva os limites da dívida pública federal;

-Entrevista com a profª Sueli Goulart (Administração/UFRGS e diretora da ANDES/UFRGS) sobre a palestra do vice-ministro do MEC, Luiz Cláudio Costa, no dia 24/08, no Salão de Atos II da UFRGS.

Voz Docente é semanal, produzido pelo ANDES/UFRGS, em parceria com a Seção Sindical da UFPEL, e radiodifundido às quartas-feiras, às 13h00, na Rádio da Universidade, 1080 AM ou on-line:http://www.ufrgs.br/radio/

O programa é também veiculado três vezes por semana em Pelotas: pela Rádio Federal FM 107,9, emissora da UFPel, e pela RádioCom 104.5 FM.

Seção Sindical do ANDES-SN: sindicato de verdade!

– Ensino Público e Gratuito: direito de todos, dever do Estado!

– 10% do PIB para Educação Pública, já!

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: