• Sindicalize-se!

  • Seção Sindical ANDES/UFRGS no Facebook

  • Cartilha sobre Assédio Moral

  • Assessoria Jurídica

  • Site ANDES-SN

  • Eventos por vir

    Nenhum evento

  • junho 2015
    S T Q Q S S D
    « maio   jul »
    1234567
    891011121314
    15161718192021
    22232425262728
    2930  
  • É para rir?

  • Categorias

  • + notícias

  • Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

InformANDES na UFRGS, nº 59/2015, 22/06/2015.

PAUTA:

1-Assembleia Geral Docente, nesta terça-feira, 23/06, às 18h00, na FACED.

2-Por que o indicativo de greve? Reposta a esta e a outras perguntas.

3-Foi iniciada a distribuição do caderno InformANDES, nº 46.

1-Assembleia Geral Docente, nesta terça-feira, 23/06, às 18h00, na FACED

PAUTA:

– ouvir o informe da reunião do MEC com o ANDES-SN e avaliar se a negociação começou;

– começar a construir a pauta local de reivindicações (nossas condições de trabalho);

– debater o indicativo de greve.

QUANDO: terça-feira 23 de junho, às 18h00;

ONDE: no Auditório (sala 102) da Faculdade de Educação (Campus Centro);

Compareça!

Cartaz A3_Matias laranja

Caso não consiga visualizar a imagem, clique aqui

2-Por que o indicativo de greve? Reposta a esta e a outras perguntas

Por que o indicativo de greve?

-Porque o governo não negocia, havendo apenas uma sucessão de reuniões sem objetivo cujo único objetivo é de postergar e inviabilizar a negociação.

-Porque o governo ameaça congelar nosso salário;

-Porque nossa carreira está desestruturada;

-Porque o corte de verbas já está degradando nossas condições de trabalho e sucateando a Universidade;

-Porque as atuais condições da UFRGS são incompatíveis com uma educação de qualidade.

Por que fazer reuniões, no dia 23, nos Departamentos ou Unidades?

No decorrer da vida diária, a categoria docente fica fragmentada, cada um na correria de tarefas sucessivas e sem fim. A greve nacional, as ameaças governamentais e a degradação das condições de trabalho e infraestrutura cobram de nós que demos uma parada para conversarmos coletivamente, discutirmos a situação, debatermos o que fazer. Fazê-lo nos Departamento ou Unidades, e levar as reflexões e decisões dessas reuniões à Assembleia Geral da terça-feira 23.

Na quinzena passada, já ocorreram reuniões em vários Departamentos/Unidades. Foram noticiadas neste boletim. Na última sexta-feira, aconteceram mais três. Outras devem ocorrer nesta segunda e terça-feira.

Na Faculdade de Educação e no Colégio de Aplicação – CAp

Entre as reuniões já realizadas, pode-se destacar a da Faculdade de Educação, que organizou um conjunto de atividades (“Conversa entre docentes; construção coletiva de pauta local”) a serem realizadas na terça-feira 23, a partir das 9h00. Na mesma linha, na última sexta-feira, a Reunião Geral de professores do Colégio de Aplicação – CAp organizou um cronograma de reuniões, com os alunos, com os pais de alunos, com os funcionários, de docentes, para iniciar a construção da pauta local de reivindicações.

Converse com seus colegas e, juntos, organize uma reunião em seu Departamento ou Unidade. No dia 23, reúna-se com seus colegas para discutir os problemas de sua Unidade e a pauta de reivindicações.

Por que paralisar no dia 23?

No dia 23, haverá audiência do ANDES-SN com o MEC. Na pauta da reunião, está a discussão sobre as reivindicações dos docentes federais, em greve desde 28 de maio. Porém, como apontado no boletim anterior, nº 58, muitas são as incertezas e indagações: nada garante que será uma reunião de efetiva negociação. O governo tem um longo histórico de reuniões protelatórias.

Por isso, é importante pressionar o MEC no dia 23. É este o sentido da proposta de paralisar no dia 23.

vinheta 3

3-Foi iniciada a distribuição do caderno InformANDES, nº 46

Além de uma matéria sobre a luta Em Defesa da Educação Pública, nas Universidades Federais e Estaduais, o caderno apresenta um artigo sobre as lições das práticas de Terceirização realizadas em outros países, uma entrevista com Maria Lúcia Fatorelli sobre a Dívida Pública brasileira e uma matéria sobre a nefasta proposta de Redução da Maioridade Penal.

Screen Shot 2015-06-21 at 5.25.21 PM

O caderno InformANDES é distribuído gratuitamente aos sócios e demais interessados, podendo ser solicitado através do e-mail desta Seção. O nº 46 e os anteriores são também disponíveis on-line, podendo ser acessado pelo link http://www.andes.org.br/andes/portal-inform-andes-pdf.andes

Seção Sindical do ANDES-SN: sindicato de verdade!

– Ensino Público e Gratuito: direito de todos, dever do Estado!

– 10% do PIB para Educação Pública, já!

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: