• Sindicalize-se!

  • Seção Sindical ANDES/UFRGS no Facebook

  • Cartilha sobre Assédio Moral

  • Assessoria Jurídica

  • Site ANDES-SN

  • Eventos por vir

    Nenhum evento

  • abril 2015
    S T Q Q S S D
    « mar   maio »
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    27282930  
  • É para rir?

  • Categorias

  • + notícias

  • Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

InformANDES na UFRGS, nº 28/2015, 10/04/2015.

Em Tempo: Para dizer Não ao PL 4330 das terceirizações! Não às MPs 664 e 665,

o Fórum das 32 Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (FONASEF) chama à realização de Dia Nacional de atos, manifestações e Paralisações, no dia 15/04. 

Cinco centrais sindicais chamam a fazer um dia de paralisação, também em 15/04

PAUTA:

1-No segundo dia da Jornada Nacional de Luta, servidores federais conseguem reunir com MPOG e arrancam promessa de que negociação começará em 23 de abril.

2-Desenrolar e avaliação da Jornada Nacional de Luta dos docentes e servidores federais.

3-Dia 15 de abril é Dia Nacional de Atos, Manifestações e Paralisações contra o PL 4330 e as MPs 664 e 665.

4-Escute, pela internet, o programa Voz Docente desta semana, nº 14/2015.

1-No segundo dia da Jornada Nacional de Luta, servidores federais conseguem reunir com MPOG e arrancam promessa de que negociação começará em 23 de abril

No dia 08/04, segundo dia da Jornada Nacional de Luta dos Servidores Públicos Federais, os docentes e demais servidores federais começaram com uma manifestação diante do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), realizando Ato em defesa da liberdade sindical e do ANDES-SN.

De lá, no Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) cobraram a abertura imediata de negociações com o Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Federais (FONASEF). Pois o governo só quer iniciar a negociação em maio.

unnamed

Ao final da manhã, um grupo de representantes do Fórum foi recebido pelo Secretário de Relações do Trabalho do MPOG, Sérgio Mendonça, que se comprometeu em antecipar a abertura das negociações. No dia seguinte, o MPOG confirmou a antecipação, marcando reunião com o FONASEF para o dia 23 de abril.

2-Desenrolar e avaliação da Jornada Nacional de Luta dos docentes e servidores federais

Fórum foi recebido no Palácio do Planalto

Na manhã da quinta-feira 09/04, houve ainda outra atividade da Jornada Nacional de Lutas: foi realizada uma manifestação dos Servidores Federais em frente ao Palácio do Planalto. Os representantes do Fórum foram recebidos pelo secretário-geral da Presidência da República, a quem entregaram uma carta.

Paralisações, mobilizações e debates marcaram a Jornada Nacional de Luta, na rede federal superior

Além do ANDES-SN participar de manifestações em Brasília, as seções sindicais do Sindicato Nacional promoveram paralisações, manifestações, panfletagens e debates, entre os dias 7 e 9 de abril, nas universidades.

Entre as reivindicações, estão as demandas locais em cada instituição federal de ensino, combinadas com a pauta nacional do Setor das IFES e do Fórum dos Servidores Federais. Confira algumas das atividades, na UFPel, UFSM, UFPA, UFRJ, UFS, etc.: aqui.

Plenária de avaliação: uma vitória e um revés

Iniciada na terça-feira 07/04, a Jornada Nacional de Luta dos Servidores Públicos Federais (SPFs) teve seu encerramento nesta quinta-feira 09/04, em Brasília (DF). Uma plenária, que reuniu várias categorias do serviço público federal, realizou a avaliação da jornada, apontando encaminhamentos para o prosseguimento da luta.

Foi consensual a avaliação de que foi uma vitória ter conseguido obter a antecipação da reunião de negociação com o Ministério de Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG) para o dia 23 de abril. Também foi acordo a posição de que é necessário o fortalecimento do Fórum dos Servidores Públicos Federais (SPFs) nos estados para ampliar a mobilização.

Foi também consenso a avaliação de que a aprovação do Projeto de Lei (PL) 4330 na Câmara Federal – uma verdadeira contra-reforma trabalhista – foi um sério revés. Porém, o PL 4330 ainda deve passar pelo processo de votação dass emendas, na Câmara, e, depois, ser apreciado no Senado. Portanto, prossegue a luta contra o PL 4330!

Divulgado Boletim do Fórum dos Servidores Públicos Federais (SPFs)

Nesta sexta-feira (10/04), foi divulgado o Boletim do Fórum dos Servidores Públicos Federais (SPFs). O boletim é resultado das discussões e decisões dos servidores durante sua Jornada de Lutas, que ocorreu nos dias 7, 8 e 9 de abril.

O boletim pode ser acessado clicando no link. Confira aqui o Boletim.

3-Dia 15 de abril é Dia Nacional de Atos, Manifestações e Paralisações contra o PL 4330 e as MPs 664 e 665

Está sendo organizada a resistência aos projetos de terceirização (PL 4330) e de retirada dos direitos trabalhistas( MPs 664 e 665).

No dia 15 de abril, será realizado o Dia Nacional de Atos, Manifestações e Paralisações contra o Projeto de Lei (PL) 4330, que possibilita a terceirização de atividades-fim, e contra as Medidas Provisórias (MP) 664 e 665, que retiram direitos do seguro-desemprego e da pensão por falecimento do cônjuge.

image010

A convocação do Dia Nacional de atos, manifestações e Paralisações é uma decisão da reunião ampliada do Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Federais (FONASEF), bem como de cinco centrais sindicais: CSP-Conlutas, CUT, CTB, NCS e Intersindical.

Fonte: Voz Docente, nº 12, 25/03/2015.

4-Escute, pela internet, o programa Voz Docente desta semana, nº 14/2015. No roteiro:

-Grande parte do Voz Docente desta semana fica dedicada a uma entrevista em que quatro representantes das entidades representativas debatem o processo de precarização que vive a UFRGS. Com o apoio de dados eloquentes, o prof. Mathias Luce (ANDES/UFRGS) relembra alguns dos acontecimentos mais significativos dos últimos tempos. O funcionário técnico-administrativo Jerônimo Menezes (Assufrgs) destaca o aprofundamento da terceirização. O estudante Guly Marchant (DCE) chama a atenção para o fato de que a UFRGS emprega bolsistas para desempenhar atividades que deveriam ser exercidas por funcionários técnico-administrativos. O pós-graduando Rodrigo Baggio (APG) salienta a precariedade da situação dos pós-graduandos.

-O conde Pié exemplifica e comenta a corrosão sofrida pelos salários dos docentes federais.

No Voz Docente, temas de interesse da comunidade como ciência e tecnologia, cultura, realidade nacional e internacional, a situação dos docentes universitários e do funcionalismo público federal são abordados de forma crítica e equilibrada.

Voz Docente é semanal, produzido pelo ANDES/UFRGS, em parceria com as Seções Sindicais da UFPEL e da FURG, e radiodifundido às quartas-feiras, às 13h00, na Rádio da Universidade, 1080 AM ou on-line:http://www.ufrgs.br/radio/

O programa é também veiculado três vezes por semana em Pelotas: pela Rádio Federal FM 107,9, emissora da UFPel, e pela RádioCom 104.5 FM.

Seção Sindical do ANDES-SN: sindicato de verdade!

– Ensino Público e Gratuito: direito de todos, dever do Estado!

– 10% do PIB para Educação Pública, já!

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: