• Sindicalize-se!

  • Seção Sindical ANDES/UFRGS no Facebook

  • Cartilha sobre Assédio Moral

  • Assessoria Jurídica

  • Site ANDES-SN

  • Eventos por vir

    Nenhum evento

  • novembro 2014
    S T Q Q S S D
    « out   dez »
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930
  • É para rir?

  • Categorias

  • + notícias

  • Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

InformANDES na UFRGS, nº 114/2014, 28/11/2014.

PAUTA:

1-Campus de Santana do Livramento da UniPampa sedia o 11º Encontro da Regional/RS do ANDES-SN.

2-Liberação de agrotóxicos no RS é tema de audiência pública na Assembleia Legislativa a realizar-se nesta segunda-feira, 01/12.

3-Ministério Público Federal/RJ encontra documentos que comprovam existência da Operação Condor.

1-Campus de Santana do Livramento da UniPampa sedia o 11º Encontro da Regional/RS do ANDES-SN

A Secretaria Regional/RS do ANDES-SN realiza, nesta sexta-feira  28 e no sábado 29 de novembro, o 11º Encontro da Regional, na cidade de Santana do Livramento, com apoio da Seção Sindical local, a Sesunipampa. O evento tem como tema “Os desafios do movimento docente frente à precarização do trabalho”.

A abertura do encontro ocorre na sexta, 28 de novembro, às 18h. Na sequência, às 19h, fala a professora Marinalva Oliveira (1ª vice-presidente do ANDES-SN), que aborda a temática das políticas educacionais e seus reflexos na precarização do trabalho docente, bem como, os desafios do movimento docente na conjuntura.

No sábado, 29 de novembro, pela manhã, a participação é do professor Luiz Henrique Schuch (ADUFPel-Seção Sindical) que aborda o tema das mudanças recentes na carreira e a discussão sobre a universidade, tendo em vista os processos estatuintes em curso e a proposta de Lei Orgânica da ANDIFES. Na parte da tarde do mesmo dia, há uma mesa com informes de cada seção sindical, com a finalidade de apontar encaminhamentos para atuação das seções sindicais em âmbito regional.

O 11º Encontro da Regional/RS do ANDES-SN acontece no auditório da Unipampa, na rua Barão do Triunfo, 1048, no Campus de Santana do Livramento.

Fontes: Sedufsm-Seção Sindical, com edição da Seção Sindical/UFRGS.

2-Liberação de agrotóxicos no RS é tema de audiência pública na Assembleia Legislativa a realizar-se nesta segunda-feira, 01/12

Nesta segunda-feira (01/12), às 14h, no Plenarinho da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul (3° andar), uma audiência pública tratará das recentes decisões do  Tribunal de Justiça do Estado (TJ-RS) que liberou no Rio Grande do Sul a venda de de agrotóxicos proibidos em outros países. A proposta foi apresentada pelo deputado Edegar Pretto (PT), atendendo pedido de movimentos sociais, entidades ambientalistas e organizações da sociedade civil que atuam na agricultura familiar e segurança alimentar.

A realização da Audiência Pública é uma reação a duas decisões do Tribunal de Justiça gaúcho liberaram agrotóxicos fabricados pelas empresas Helm e Syngenta. Segundo o TJ, a Fundação Estadual de Proteção ao Meio Ambiente (Fepam) não teria competência legal para impedir a comercialização de produtos liberados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

De cinco rótulos beneficiados com a decisão da Justiça, quatro são à base de Paraquat, um produto altamente tóxico para o ser humano. O Paraquat não têm registro no país de origem e está proibido nos países da Comunidade Européia há mais de cinco anos. Além da Europa, esse produto também está proibido em outros países. Segundo a Fepam, o Paraquat é classificado como extremamente tóxico, causa asfixia progressiva do intoxicado, e tem como efeitos falência aguda de órgãos e fibrose pulmonar progressiva.

Leia mais aqui.

Fonte: Sul 21, 28/11/2014, com edição da Seção Sindical/UFRGS.

3-Ministério Público Federal/RJ encontra documentos que comprovam existência da Operação Condor

Na última segunda-feira (24/11), o Ministério Público Federal no Rio de Janeiro (MPF/RJ) informou ter encontrado documentos, na casa do coronel Paulo Malhães (assassinado em abril deste ano), que comprovam colaboração entre os regimes ditatoriais da América do Sul nas décadas de 1970 e 1980. Mais conhecida como Operação Condor, a colaboração entre ditaduras do Cone Sul é negada pelas Forças Armadas e pelo Ministério das Relações Exteriores.

Em diligência na casa de Malhães, o Grupo de Trabalho de Justiça e Transição do MPF/RJ descobriu documentos relativos à Operação Gringo, que consistia no monitoramento, na vigilância e prisão de estrangeiros que demonstrassem qualquer atividade considerada ofensiva ao regime. A operação era de responsabilidade do Centro de Informações do Exército do Rio de Janeiro.

Em nota, o procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, disse que a descoberta é uma marco histórico para revelar os responsáveis por crimes durante a ditadura. Segundo ele, os documentos são a maior prova da existência da Operação Condor e de que a Operação Gringo era um braço internacional.

Leia mais aqui.

Fonte: Sul 21, 24/11/2014, com edição da Seção Sindical/UFRGS.

Seção Sindical do ANDES-SN: sindicato de verdade!

– Ensino Público e Gratuito: direito de todos, dever do Estado!

– 10% do PIB para Educação Pública, já!

– 10% do PIB para Educação Pública, já!

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: